De Ponta Delgada a Vila Franca do Campo, com paragens ao longo da estrada regional para degustação, contemplação e visita a uma casa e coleção privadas muito especiais.

/
Existe o Walk&Talk e existe o Talkie-Walkie, um projeto com sede no Porto, fundado pelas arquitetas Ana Vieira e Matilde Seabra, que desenham programas de viagem para amantes da cultura e das artes. Em São Miguel, inspirada pelo património do Walk&Talk, a equipa TW foi conhecer as gentes da ilha, ouvir as suas histórias reais ou efabuladas, descobrir casas e coleções privadas, a arquitetura local e as tecnologias da paisagem. Exploram ainda recantos inusitados e novos olhares sobre lugares de visita obrigatória que escapam aos visitantes de passagem e até a muitos micaelenses. Esta aventura concretiza-se em três percursos temáticos que convidam a compreender a ilha pela sua estratigrafia geológica, mas também social, com as pessoas que nela habitam e a transformam. Percursos especiais, para conhecer e conversar com o historiador Pedro Pascoal de Melo, Fátima Mota da Galeria Fonseca Macedo, geólogo Rui Coutinho, Bernardo Brito e Abreu, mentor do Pico do Refúgio, a produtora Diana Diegues e Fátima Marques Pereira, directora do Arquipélago - Centro de Artes Contemporâneas.